sexta-feira, 9 de maio de 2008

A loja de Deus

A loja de Deus.

Entrei e vi um anjo no balcão.
Maravilhado, preplexo, falei:
- Santo anjo do senhor, o que vendes?
êle respondeu:
- Todos os dons de Deus.
- Custa muito?
- Tudo, tudo é de graça.
Observei a loja cuidadosamente.
Havia jarros e vidros de fé,
Pacotes de esperança,
Caixinhas de orientação e sabedoria.
Tomei coragem, pedi:
- Por favor, quero um vidro de fé,
bastante felicidade e salvação eterna
para mim e meus familiares, parentes e amigos.
Muito perdão também, e grande amor a Deus.
Solícito o anjo do Senhor preparou-me um pequeno embrulho
que cabia em minha mão. Surpreso disse:
- Voce colocou tudo que pedi neste minúsculo pacote?
Sorrindo, o anjo respondeu:
- Meu querido cliente...
na loja de Deus não vendemos frutos,
apenas sementes.




Nenhum comentário: